24.09.06
estava a precisar de libertar algo de alguma forma; não sei bem o quê nem de quê nem pra onde mas sei que precisava .. precisava e acho que continuo a precisar porque não me parece que tar aqui a escrever seja uma forma eficaz de libertar o que quer que seja !

costumo criticar aqueles que falam muito e se ficam pelas palavras; costumo criticar aqueles que insistem em complicar a vida em torno de aspectos facilmente ultrapassáveis; costumo criticar aqueles que dramatizam cada situação menos favorável do dia-a-dia e se afundam neles mesmos; costumo criticar tudo e todos em relação a estes e outros casos e penso que me esqueci de continuar a criticar-me também em relação a tudo isto !

[ 10 minutos depois ..

depois de ler o texto em cima repetidas vezes, enchi-me de razão para escrever esta última parte. se ainda me criticasse, este texto nunca existiria porque é, realmente, um retrato de qualidade de muito do que eu costumo criticar ..

inesperadamente, este blog, que até agora só servia para libertar uma certa anormalidade que me pertence, serviu para eu criticar o que começava a ser uma obcessão destrutiva ..

este é, sem dúvida, um post obsessivo que me vai levar a voltar a usar a criatividade para simplificar a vida !

(as duas formigas e o leopardo que estão a ler isto escusam de comentar, só italiano percebe isto ..)
publicado por José Oliveira às 23:01

Setembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

18
19
20
21
22
23

29


pesquisar
 
preocupações arquivadas
2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


no Mundo

 

Alemanha

 


 

Áustria

 


 

Bélgica

 


 

Croácia

 


 

Eslovénia

 


 

Espanha

 


 

Estados Unidos da América

 


 

Finlândia

 


 

França

 


 

Hungria

 


 

Inglaterra

 


 

Itália

 


 

Mónaco

 


 

Polónia

 


 

Portugal

 


 

República Checa

 


 

Sérvia