07.09.08

O cheiro a férias está a desaparecer. Parece fugir com o vento para inundar o ar de qualquer outra paragem. Às vezes ainda o sinto por aí. Mas este já não é o sítio dele. Neste sítio, os dias ritmados estão a chegar. Ritmados por tudo e por nada mas raramente ritmados por mim. Seja como for, desta vez tenho de acompanhar o ritmo. Não o posso perder novamente sob pena de me perder a mim também. Entretanto, enquanto eles não chegam, fico estaticamente inquieto à procura do cheiro. O cheiro a férias que teima mesmo em desaparecer.

tags:
publicado por José Oliveira às 21:02

Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
16
17
19

23
24
26
27

28
30


pesquisar
 
preocupações arquivadas
2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


no Mundo

 

Alemanha

 


 

Áustria

 


 

Bélgica

 


 

Croácia

 


 

Eslovénia

 


 

Espanha

 


 

Estados Unidos da América

 


 

Finlândia

 


 

França

 


 

Hungria

 


 

Inglaterra

 


 

Itália

 


 

Mónaco

 


 

Polónia

 


 

Portugal

 


 

República Checa

 


 

Sérvia