09.01.09

Ainda estou a descongelar depois de me ter aventurado em ir ao Dragão ver um emocionante jogo da Taça da Liga. Mas, em compensação, tive oportunidade de ver jogar 17 jogadores do Porto no mesmo jogo. Os 11 titulares, os 3 substitutos e ainda 3 jogadores do Porto que estão emprestados ao Setúbal - Bruno Vale, Leandro Lima e Bruno Gama. Isto só é possível porque a Federação Portuguesa de Futebol decidiu que não era justo que jogadores emprestados por um clube não pudessem defrontar o mesmo como era usual há uns anos. Mas que sentido faz isto?

 

Um jogador é pago pelo clube A mas joga pelo clube B. Quando o clube B joga contra o clube A, o jogador pode jogar contra o clube que lhe paga o salário todos os meses. Para complicar ainda mais a situação, isto não é um simples negócio como em qualquer outra área. No futebol (ainda) existe o "amor à camisola". Se um jogador que é formado no seu clube de sempre e é emprestado a outro clube quando se torna profissional, quando tem de jogar contra o clube que, para além de ser o que lhe paga o salário, é também aquele pelo qual ele é aficionado, como se sentirá? Eu acredito na seriedade e profissionalismo dos jogadores mas não deve ser uma situação fácil. De todo. E quando eles cometem erros comprometedores nesses jogos, é normal que se questione essa seriedade e profissionalismo.

 

Não seria melhor se eles não pudessem jogar? Assim todos sabíamos quais eram as condições dos empréstimos e não seria possível levantar este tipo de questões nada agradáveis - nem para os jogadores, nem para um ambiente saudável no futebol.

 

Como diria a RFM, vale a pena pensar nisto.

tags:
publicado por José Oliveira às 01:45

Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
24

25
26
27
29
30
31


pesquisar
 
preocupações arquivadas
2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


no Mundo

 

Alemanha

 


 

Áustria

 


 

Bélgica

 


 

Croácia

 


 

Eslovénia

 


 

Espanha

 


 

Estados Unidos da América

 


 

Finlândia

 


 

França

 


 

Hungria

 


 

Inglaterra

 


 

Itália

 


 

Mónaco

 


 

Polónia

 


 

Portugal

 


 

República Checa

 


 

Sérvia